ANFACER - Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica para Revestimentos, Louças Sanitárias e Congêneres

Alameda Santos, 2300 - 10º andar
São Paulo, SP/ Brasil - 
CEP: 01418-200

T + 55 11 3192 0600

Especial Sustentabilidade

 

 

Cerâmica Villagres: crescimento sustentável

 

A humanidade e a comunidade internacional estão cada vez mais preocupadas com o uso racional dos recursos naturais e a consciência frente a escassez desses recursos. No segmento cerâmico não é diferente. A indústria de revestimentos cerâmicos segue em contínuo crescimento, seja em volume de produção, formatos cada vez maiores e agregando valor aos produtos ofertados. Por isso, faz-se necessário o engajamento sob esta temática.


Com esse propósito, a Villagrês busca este alinhamento e incorporou ações e planos para reduzir o impacto ambiental na produção e uso dos revestimentos cerâmicos. Ao longo dos anos nos especializamos na produção de porcelanatos com espessura reduzida, na qual são preservadas todas as características técnicas de acordo com as normas vigentes. Foram anos de muitas pesquisas, aprimoramento de processos, elaboração de controles e desenvolvimento técnico dos colaboradores, para assim deter de forma completa esse know how.


Em nossa linha atual, 70% da produção têm espessuras entre 6mm e 7mm, entendemos que esta mudança propicia um menor consumo de matérias-primas naturais, menor consumo energético, redução no espaço físico de armazenagem dos produtos acabados, redução na movimentação logística de matérias-primas e produtos acabados, ergonomicamente correto para manuseio na obra e menor quantidade em quilos de resíduos gerados na construção civil.


Atualmente, o parque fabril da Villagres é equipado para a produção de aproximadamente 600.000 m² de porcelanatos de diferentes formatos: de 25x25cm a 120x120 cm. A movimentação de matérias-primas dentro do parque fabril, até o final de 2019 serão realizadas 100% em pistas pavimentadas, bem como a armazenagem delas, que serão feitas em galpões, possibilitando a estocagem de 100% dos materiais in natura.


No setor de retifica dos porcelanatos, até o final de 2019, as retíficas que atualmente utilizam água, serão transformadas a seco eliminando assim o alto consumo e evitando o tratamento de água em circuito fechado. Os rejeitos resultantes da produção dos porcelanatos, retornam e são reutilizados no próprio processo.


Outro ponto relevante é que a Villagres atende a todas as exigências regulatórias, as leis ambientais e trabalhistas. A marca entende que, atualmente, não se espera apenas o compliance das empresas. É preciso ir além e por isso, dentro das estratégias empresariais, existe a consciência real da necessidade de redução dos nossos impactos para o meio ambiente.


Marcelo Gustavo Pin Piazentin
Gerente da Qualidade da Villagres

Tags:

Please reload