ANFACER - Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica para Revestimentos, Louças Sanitárias e Congêneres

Alameda Santos, 2300 - 10º andar
São Paulo, SP/ Brasil - 
CEP: 01418-200

T + 55 11 3192 0600

PIB da construção tem alta no 2º trimestre, após 20 quedas seguidas

September 6, 2019

Setor cresceu 1,9% na comparação com os primeiros três meses do ano, e 2% em relação ao segundo trimestre do ano passado

 

 

Conforme apurado pela Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Produto Interno Bruto (PIB) da construção voltou a crescer no segundo trimestre de 2019, após dois trimestres consecutivos registrando queda. O setor cresceu 1,9% na comparação com os primeiros três meses do ano, e 2% em relação ao segundo trimestre do ano passado, interrompendo uma série de 20 quedas consecutivas nesta mesma base de comparação.

 

Apesar dos resultados positivos, o setor ainda registrou queda de 0,1% na comparação entre os primeiros semestres de 2019 e 2018.

 

Segundo o presidente do SindusCon-SP (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo), Odair Senra, a “alta do PIB da construção ainda está longe de representar uma recuperação das construtoras. A elevação de 1,9% ocorreu devido ao aumento dos financiamentos imobiliários e do crescimento das vendas dos materiais de construção, mas a atividade das construtoras segue em patamares muito reduzidos.”

 

Para Senra, são necessários “mais estímulos para aumentar a atividade das construtoras e atrair investimentos, tais como o andamento das reformas, desburocratização, agilização dos licenciamentos e preservação dos recursos do FGTS para o financiamento da habitação popular”.

 

De acordo com a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), estas medidas podem dar um maior dinamismo para o setor.

 

Please reload